BEDA #10 – Livro X Filme: O leão, a feiticeira e o guarda-roupa

Equipe Living for Harry


Oi gente! A comparação de hoje envolve um clássico! Vamos comparar livro e filme de As crônicas de Nárnia: O leão, a feiticeira e o guarda-roupa. Vamos comparar apenas esse e não todos os que já lançaram, assim o post não fica quilométrico, mas se quiserem que a gente compare os outros filmes da saga com seus respectivos livros, é só deixar nos comentários!

Personagens: os atores foram muito bem escolhidos para interpretar os personagens e o Aslam ficou muito bom! Toda parte técnica, envolvendo eles estava muito boa. Nossa única ressalva é a participação do Sr, Tumnus, porque no livro ele só aparece com muito destaque assim que a Lúcia chega em Nárnia e se encontra com ele, o que é bem diferente do filme, já que ele tem um papel muito importante, tendo até cenas dedicadas a ele, como o congelamento dele pela feiticeira.

Acontecimentos: aqui vamos listar alguns que chamaram muito a nossa atenção. Logo no começo do filme, há um destaque para o fato deles estarem inseridos na 2ª Guerra Mundial, algo que não é tão focado no livro, por se tratar de um livro infantil. Outra cena que também foi amenizada no livro, mas muito destacada no filme, é a batalha de Aslam com a feiticeira, mesmo não mostrando ele a matando de fato, ainda deixa isso bem claro.

Uma cena que pode ter deixado a galera que assistiu, confusa é a relação do Edmundo com a feiticeira, pois a cena do manjar turco não apareceu completa no filme. No livro, o garoto nunca está satisfeito, porque o manjar turco foi encantado pela feiticeira, então ele a procura para conseguir mais do doce e assim que se estabelece essa relação.

Outra cena inicial e bem marcante que está diferente no filme é a cena em que os irmãos Pevensie entram no guarda-roupa, no livro eles estão apenas se escondendo da governanta, por terem aprontado algo, já no filme, eles se escondem dela no guarda-roupa, porque entraram no quarto que eles não podiam entrar por causa de uma bola deles que entrou pela janela.

Extra: algo que quem apenas assistiu os filmes não sabe é que os filmes que já foram lançados não são todos os livros da série. E mais… O leão, a feiticeira e o guarda-roupa não é o primeiro livro, existe um livro antes dele e outros livros entre os que viraram filme, então a história está com alguns buracos e por isso podem acabar deixando alguns detalhes de lado, como a formação de Nárnia, o por quê do guarda-roupa ser uma das passagens para lá e qual a relação entre o professor Kirke (o senhor dono da casa onde eles estão) e Nárnia.

Essas são as nossas considerações, quais a de vocês? Deixem nos comentários! E calma, essas diferenças não deixaram o filme ruim, amamos muito esse filme e todos os outros da saga, mas como toda adaptação, ela não consegue encaixar tudo e faz alterações. Mas sabemos que às vezes isso é necessário.

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

BEDA #9 – Livro x Filme: Como eu era antes de você

Adriele E. da Silva (participação especial: Joel Torrealba)


Oi gente!! O post de hoje está bem especial, porque temos um convidado especial me ajudando!! O Joel (que já postou uma resenha aqui no blog) me ajudou a escolher as diferenças e semelhanças mais marcantes entre o livro e o filme Como eu era antes de você. Que diga-se de passagem, são os mais recentes aqui da lista!

Personagens: algo que concordamos é o fato de que escolheram muito bem a atriz para interpretar a Lou, a Emilia Clarke fez um ótimo trabalho e conseguiu mostrar a personalidade da personagem sem deixá-la esquisita, mesmo com as roupas super chamativas! Pra mim, o Will não ficou 100% como eu esperava, porém relevem, pois isso é coisa da minha cabeça, até porque o Sam Claflin também fez um excelente trabalho com o personagem. Um problema nesse quesito que chama bastante atenção de quem leu o livro é que a irmã do Will simplesmente não aparece.

Relacionamentos: alguns relacionamentos foram deixados de lado ou tratados de forma superficial ou bem diferentes do livro. Um exemplo é a relação da Lou com a família, eles têm vários problemas e eles praticamente são ignorados no filme, a protagonista se dá muito mal com a irmã, mas no filme elas são quase melhores amigas, isso também ocorre com a mãe da Lou, pois ela é muito mais próxima no filme do que no livro. Mas um relacionamento muito bem feito, além do casal protagonista, é o da Lou com o Patrick, pois eles são um casal bem problemático, mas ela tá sempre tentando fazer dar tudo certo.

Acontecimentos: isso é algo que me deixa bem incomodada, porque eu sei que não pode ficar julgando muito um filme, afinal é pouco tempo pra passar tudo que tem em um livro, mesmo esse livro não sendo longo. Porém muitas cenas importantes para a história foram cortadas do filme (ALERTA DE SPOILER), como o fato do pai do Will ter traído a esposa, pois isso influência bastante as atitudes do Will, ou o motivo da Lou ter tanto medo do labirinto, eu senti bastante falta, mas como eu disse, é compreensível. E duas cenas em especial chamaram a minha atenção em relação a como elas ficaram tão fiéis ao livro: a cena da praia que ficou muito fofa e a cena do aniversário da Lou, quando o Will dá as famosas meias listradas para ela. Eu gosto muito dessas cenas e elas ficaram muito bem feitas, mostrando bem a relação dos persongens e como cada um se desenvolve.

Extra: algo que eu não sabia, mas descobri nas minhas pesquisas (Obrigada, Toda Teen!) é que a autora esteve presente nas gravações e tentou deixar o filme o mais próximo possível do livro, desde o elenco até o que poderia ou não acontecer em determinados momentos.

Beijos Mágicos!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

BEDA #8 – Livro X Filme: A Hospedeira

Equipe Living for Harry


Oi gente! Estamos no 8º dia de BEDA e 2º dia da semana temática. E vamos comparar o livro A Hospedeira com o filme. O livro é único, mas bem comprido, então já sabemos que o filme não tem todos os detalhes presentes na história, mas ele consegue ser bem fiel ao livro, mesmo com as diferenças. Vamos dividir o post em tópicos, como fizemos no post de ontem.

Personagens: os atores são bem parecidos com os personagens do livro, com algumas pequenas diferenças aceitáveis. Afinal, muitas vezes os personagens são diferentes até entre as pessoas que leram o livro. A única personagem que nos deixa um pouco mais chocada (ALERTA DE SPOILER), é o "corpo" que a Peregrine vai quando sai do corpo da Melanie, achamos ela um pouco bizarra, meio falsa e bem diferente do que esperávamos. Hahahahaha

Aliens: os seres que invadem a Terra e usam os humanos como hospedeiros, parecem ser muito clichês, só por serem seres extraterrestres e tecnológicos não tinham que ter necessariamente uma aura tão branca. Tudo neles é branco, meio esterilizado. Isso é bacana, mas é uma representação muito comum, para o que a gente esperava.

Acontecimentos: vamos destacar dois acontecimentos que achamos que devíamos destacar. O primeiro é a cena da perseguição com os carros dos buscadores, porque essa cena não existe no livro e claramente foi criada e colocada na história para dar um toque de ação para dar uma animada no filme, assim como alguns momentos de descontração com humor. A outra cena é quando a Mel some da cabeça da Peregrina e ela, no livro, faz um escândalo e fica desesperada, procurando pela Melanie e mostra toda a relação criada entre elas, porém no filme a cena ficou um pouco forçada e acaba virando uma discussão entre a Peregrine, o Jared e o Ian.

Esses são os pontos que destacamos para essa história, se acharam mais pontos que não falamos ou algo que não concordam, podem falar nos comentários. E lembrando que tudo não passa de posts para vocês lerem, se divertirem e pensarem um pouco a respeito, mas sem chatices e críticas bobas.

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it