BEDA #6 – Quinze Dias

Adriele E. da Silva


Oi gente! Preparados para mais uma resenha?! Como já viram no título o livro escolhido é o "Quinze Dias" do Vitor Martins que além de ótimo escritor, é um ótimo booktuber, vale a pena se inscrever no canal dele! Agora vamos falar desse livro maravilindo!

Como 99,99% dos adolescentes desse mundo, Felipe esperou ansiosamente por esse momento, as férias de Julho. Agora vai poder aproveitar para fazer tudo que tanto queria: maratonas séries, ler muito, assistir tutoriais no YouTube que nunca fará e não ter que lidar com os colegas de escola. Porém logo no primeiro dia descobre algo que pode mudar seus planos… Sua mãe aceitou hospedar Caio, o filho da vizinha, durante esses quinze dias, para desespero de Felipe, porque além de Caio ter sido sua primeira paixão, ele possui muitas inseguranças e não consegue interagir com o visitante.

Tá aí um livro que tem tudo para ser clichê, mas que não é. Como assim, Adriele? Simples. O Felipe não é um típico garoto gay dos livros, ele é gordo, tímido e tem inúmeros problemas de insegurança que são muito reais, o Caio não é o típico par romântico, ele é muito mais profundo, possui seus próprios problemas e inseguranças, além de ser um ótimo amigo, todos os outros personagens do livro possuem suas peculiaridades e a história dos dois protagonistas não é como nos outros romances, mesmo nos romances LGBT, ele acontece aos poucos, a partir de muito autoconhecimento, conversa, confiança e uma amizade realmente sincera. Os problemas que acontecem com eles não são causados pelos clichês já tão conhecidos, são problemas reais de autoconfiança, de lidar com as inseguranças e de poder se abrir para um sentimento tão forte.

Para Felipe não é fácil ser gordo, como muitos livros querem mostrar, ele não consegue passar por isso da maneira engraçada que querem que as pessoas não-gordas (eu inclusa) acreditem que possa acontecer. Ele sofre bullying, não se sente atraente, acha que nada fica bem nele e tudo isso se transporta para sua capacidade de lidar com os outros e é por isso que ele frequenta toda semana uma terapeuta, algo que também é muito bem trabalhado no livro, por ser muito individual, realista e revelador, pois mostra que terapeutas não servem para pessoas loucas e doentes, mas para todo mundo que precisa ter alguém com quem conversar e se abrir. Não posso dizer que me identifico com o Felipe totalmente, afinal sou hétero e magra, porém tenho minhas próprias inseguranças e sei como isso pode atrapalhar relacionamentos no geral. Mas o mais importante, eu conheci um pouco melhor sobre como é viver em um mundo tão preconceituoso e apegado a aparência, principalmente quando se é tão fora dos padrões, quanto o Felipe.

Mas não são só os protagonistas que nos mostram e ensinam coisas, temos a mãe do Felipe e as amigas do Caio que também se encontram bem fora dos padrões esperados para essas personagens.

Calma, o livro também é muito divertido e me fez rir muitas vezes, então não precisa se preocupar, pois além do livro ser curtinho, ele é super rápido e gostoso de ler. A escrita do Vitor te prende e te faz devorar o livro. A história (Como devem imaginar) se passa em 15 dias e é assim que os capítulos são divididos e isso torna a leitura ainda mais rápida, pois eles não são longos. A leitura flui tão bem que passa da mesma forma que 15 dias de férias… Rapidinho!!

Já deu pra perceber que eu adorei esse livro, né? Com certeza entrou na minha lista de favoritos do ano! Então super recomendo para todo mundo!

Beijos Mágicos!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

BEDA #5 – A Pequena Livraria dos Corações Solitários

Larissa Leite


Puxa, que dia lindamente nebuloso para falar sobre livros… venham, venham! Peguem vossas xícaras de chá e pãozinho com Nutella porque agora eu vou contar uma historinha para vocês.

Era uma vez, um livro chamado A Pequena Livraria dos Corações Solitários. Bem, já considero o livro como bom porque, bem, tem uma livraria nele!

Tudo começa com o Posy Morland que herda a livraria Bookends, da falecida Lavinia. Posy cresceu na Bookends e já leu todo e qualquer livro de romance que já existiu, mas agora, precisa deixar a fantasia de lado e aprender a administrar a livraria antes que ela venha a falência (que frase pesada, cara).

E lógico que, em todo romance, temos um boy. Sebastian, neto de Lavinia, vai fazer de tudo para trazer a Bookends de volta para o nome da família.

Sabe o que eu gosto em livrarias? Além dos livros, óbvio, a diversidade de pessoas que passam por lá, seja de idade, nacionalidade ou preferência sexual. E a Pequena Livraria dos Corações Solitários mostra exatamente isso, com seus personagens extremamente excêntricos e diferentes uns dos outros.

Esse livro também é ótimo para referências literárias pois, são tantos livros citados em um só capítulo que tive que ir no Google dar uma olhada em algum títulos…

Mas nessa vida, não são apenas rosas, também tem galhos secos e folhas mortas. Ou seja, tem pontos negativos e nesse caso, o ponto é a Posy. Apesar de ser uma personagem fora dos padrões, ela é extremamente dependente dos outros, seja dos pais, da Lavinia ou dos funcionários da livraria. Se a Posy existisse, eu total bateria a cara dela na parede e gritaria "acorda pra vida, você tem 30 anos!". Mas, me contentei em apenas virar os olhos mesmo.

Sei que nunca falo isso, mas dessa vez, não me contentei. Vamos falar sobre essa capa fofa. Desenhei essa capa em um dos desafios da MLI e fui obrigada a reparar o quanto de detalhes essa capa possui. Cada flor, cada livro, cada cor das pedras no chão… Parabéns equipe que fez essa capa clap clap.

Se você prefere uma leitura tranquila, leve, sem muito drama ou ação… Esse livro é o seu tipo de leitura. A boa notícia: é um livro curto. A má noticia: é o primeiro livro de uma série… E nem todos foram traduzidos #chorosa.

Beijos na bunchecha!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

BEDA 2017

Equipe Living for Harry

Oi gente!! Eu sei que tá um pouco tarde (São quase meia-noite), mas aconteceram alguns (vários) problemas, então antes tarde do que nunca (Quantas vezes já falei isso aqui e quantas vezes usei parênteses nesse parágrafo?😜). Estou vindo aqui para anunciar que teremos mais um BEDA esse ano!! YAAAAAAAY!! \o/
Pra quem não sabe o BEDA é a versão blog do VEDA, logo teremos posts todos os dias durante o mês de Agosto. Essa não é a primeira vez que fazemos isso e claro que assim como no ano passado, faremos algo bem diferente!
Pra começar teremos duas semanas temáticas, com temas bem diferentes do que já vimos por aí, teremos também participações especiais e…. Uma resenha especial. Quem me segue no Twitter ou está na comunidade da #MLI2017 lá no Amino, viu que eu fiz uma enquete para vocês escolherem um livro para nós lermos em Agosto e o livro campeão terá uma resenha especial no final do mês e claro vocês podem acompanhar nossa leitura pelas redes sociais do blog.
Acho que por enquanto é só isso… Até amanhã, bem mais cedo!!

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!

2ª semana da MLI2017 + 1 Semana a mais

Equipe Living for Harry

Oi gente! Mais uma semana se passou, então está na hora de mais um resumo semanal de leituras meu e da Lari. Mas antes, vamos falar sobre a surpresa que o Victor nos contou essa semana, a #MLI2017 vai ter mais uma semana de leitura, logo ao invés de terminar ontem (dia 30), vai terminar dia 05/08 (próximo sábado), para ficar sabendo mais sobre essa semana nova e o 10º desafio da tbr, veja o vídeo do Victor clicando aqui. Além disso, tivemos mais um desafio, dessa vez relacionando livro e música, nós duas participamos desse! Agora vamos falar de leituras! Como eu disse no post da semana passada, eu comecei a ler Em algum lugar nas estrelas, o livo que se encaixava em quase todos os desafios da minha tbr, porém escolhido para o livro com capa azul, na terça-feira e depois de mais algumas crises de dor de cabeça, muita procrastinação e rolês pra aproveitar a última semana de férias, eu consegui terminar ele na quarta-feira. Aí na quinta, comecei a ler o primeiro volume de As aventuras de Sherlock Holmes que se encaixava em dois desafios da minha tbr: Livro com menos de 200 páginas e livro que se passa em um momento histórico importante. Ele eu li de quinta pra sexta e na própria sexta-feira, eu comecei a ler a minha leitura atual You know me well para o desafio do livro que não sei nada sobre, ele é minha primeira leitura em inglês que não é um livro infantil ou um conto, então estou precisando de ainda mais silêncio para ler, algo que quem me segue lá no Twitter sabe que não tenho muito em casa, logo estou avançando beeeem lentamente. Pra compensar isso, eu reli o conto da Luly Trigo, As Valentinas que li bem rapidinho. Tentei voltar a ler o You know me well, porém ainda não tá rolando, então estou lendo Suzy e as águas-vivas e espero terminar logo, ele se encaixa no desafio do livro comprado pela capa. E sobre a semana a mais, eu não vou participar do 10º desafio, nem adicionar nenhum livro à minha tbr, porque o flop foi muito grande e estou bem longe de terminar a minha tbr. Bem… Essa semana foi equivoca… Porque, bem, eu não li praticamente nada da minha TBR. Tudo começou quando tentei ler A Garota no Trem. Consegui ler um total de 50 paginas, até desistir e querer jogar meu kindle na parede. Agora entendo por que esse livro entrou na categoria de “um livro muito criticado”. Desculpem-me, leitores de plantão, juro que tentei… E a partir daí, desanimei um pouco e passei a reler livros fofos com finais felizes, como Isla e o Final Feliz. Até o título me alegra! Após o período de superação de livros ruins, comecei um livro que realmente estava ansiosa para ler, o lindo e maravilhoso Lyrebird. Só digo que, o enredo está me cativando #S2Laura. Parei Lyrebird no meio da semana para ler Quinze Dias. Vocês devem estar se perguntando, por que não terminou um livro para começar o outro? Bem, caros amigos, estava eu em uma jornada no metrô, com apenas Quinze Dias na mochila e zero de bateria no celular. Então, comecei a ler enquanto não chegava na minha estação… E não consegui parar mais! A boa notícia, terminei Quinze Dias sábado (sim, chorei porque o final é feliz) e pretendo terminar Lyrebird logo logo! A outra boa notícia (porque aqui só tem coisa boa) é que tem mais dias de MLI! Então decidi encaixar A fúria e a Aurora, um livro que já comecei umas 2 vezes e ainda não tive coragem de terminar.

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!

Mais da #MLI2017: TBR | 1ª semana

                                                                                                                                                 

E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

Esquenta + 1ª semana da MLI2017

Equipe Living for Harry

Oi gente!! Hoje, eu e a Lari vamos falar sobre a nossa primeira semana da Maratona Literária de Inverno que começou com um esquenta no sábado (15/07) com 12 horas seguidas de leitura. Também teve os dois primeiros desafios da maratona, o primeiro foi dividido pelos níveis da tbr, mas todos envolviam uma foto relacionada com o livro que estivéssemos lendo e o segundo desafio foi a escolha do nome de um projeto futuro dos organizadores. A Lari participou do primeiro desafio e eu participei do segundo (Torçam por mim!).

Agora vamos falar sobre leituras, afinal, esse é o objetivo da #MLI2017. Comecei (Adriele) a maratona no esquenta que aconteceu no sábado, terminei o segundo livro da série Trono de Vidro, o Coroa da Meia-noite, durante a madrugada do domingo, eu já estava lendo ele antes da maratona começar, então escolhi terminar ele no esquenta para só depois começar a ler os livros da minha tbr. Eu AMEI o livro e acho que essa série só vai melhorar, então estou mega ansiosa para continuar, porém o terceiro livro da série é bem grande e eu fiquei com medo de não dar conta ou pior… Ficar presa em uma ressaca literária. Então abri uma enquete no Amino para decidir que livro leria em seguida. E o vencedor foi… Rufem os tambores… Quinze Dias, do Vitor Martins, um dos curadores da MLI.
Então, comecei meu domingo (Depois de ter dormido), lendo o Quinze Dias para o desafio livro nacional, porém passei o dia fora e a noite ocupada, então li muito pouco. O mesmo aconteceu na segunda, então novamente li bem pouco e só consegui terminar o livro na terça-feira, depois de ter passado muito mal e dormido a tarde quase toda. Pois é, o flop estava segurando minha mão e tapando meus olhos (#DramaQueen). E não, a culpa não foi do livro, porque ele é MUITO bom e muito fofo, se eu tivesse conseguido focar de verdade, teria lido ele em um dia com toda a certeza, mas não tá fácil pra ninguém. Eu falei um pouco dele lá no Amino (me sigam lá na comunidade da MLI: Adriele Silva) e falarei mais em um post futuro.
Na terça a noite, comecei a ler o meu livro atual, o Em algum lugar nas estrelas  para o desafio capa azul (E quase todos os outros desafios da tbr) e estou gostando bastante, mas a minha sinusite continua me atrapalhando, então não progredi muito.


Hoje (sábado), eu li o conto A bailarina, o mar e a lua que eu escolhi pro desafio do livro com pontuação no título e acho que ele melhorou um pouco meu pique terminar a minha leitura atual, então torçam por mim, porque preciso correr atrás do tempo perdido!

Opa opa opa! Vamos falar de coisa boa? Partiu contar o que eu (Larissa) li nessa primeira semana de Maratona de Inverno.
~Primeiramente, li várias receitas de chocolate quente, porque o frio não me deixou sair dos cobertores. Segundamente, achei essa primeira semana super produtiva!~
Bem, comecei meu sábado de Exquenta, terminando de ler Rainbow da M.S. Fayes, um livro bem pouco conhecido que eu acreditava ser ruim… Mas, dentre os dramas e as revoltas adolescentes que o livro traz, Rainbow passou a ganhar um espaço no meu coração, com a sua personagem principal rabugenta e teimosa, que me faz lembrar de alguém muito especial…


Terminei meu sábado… Ou a madrugada do domingo, começando meu primeiro livro da TBR, Entre o Amor e a Vingança (livro que se passe durante um período histórico importante). Um nome dramático para um romance dramático. Infelizmente, minha paixão por romances históricos não alcançou esse livro… Acho que eu não estava na vibe de ler livros desse gênero. Mas, não decepcionai-vos ! Tentarei ler o segundo livro dessa série.
Enfim, domingo foi o Senhor engate da leitura. Terminei meu primeiro livro é comecei Era uma vez mais uma vez (livro nacional). Sobre esse livro: AI MEU DEUS QUE FOFO! Só isso mesmo. Mais alguma informação, vira spoiler.
A semaninha seguiu com Sandman, A pequena livraria dos corações solitários e A carícia essencial.
Sandman (livro com pontuação no título) tem raposas desenhadas, então eu obviamente adorei! A pequena livraria dos corações solitários (livro que você comprou pela capa) fez parte do primeiro desafio da Maratona e foi um dos livros que mais demorei para ler (uns 3 dias), não porque a história seja chata (Tem a palavra livraria na capa, não pode ser chato!), mas porque a minha semana foi bem corrida.
Quinta-feira acabou com A Carícia Essencial (livro com menos de 200 páginas). Um livro de auto-ajuda que, a princípio, pensava ser bem entediante, mas a leitura é bem leve e te faz pensar nas sua atitudes para com os outros (Moça dona do blog Adei deveria ler…).


Deveria ter dado continuidade na TBR… Mas ganhei o Garoto do Cachecol Vermelho e acabei dispersando um pouquinho… Por enquanto não tenho opinião concreta sobre esse livro, mas compartilharei minha opinião futuramente.

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!

Mais da #MLI2017: TBR

                                                                                                                                                 

E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  We Heart it  | Pinterest

TBR – MLI2017

Equipe Living for Harry

Oi gente!! Demoramos um pouco, mas aqui está o post com a nossa tbr para a Maratona Literária de Inverno desse ano. Siiiim! Vamos participar de mais uma maratona literária do Victor. Dessa vez a maratona tá bem diferente e com muitas novidades, então assistam o vídeo dele para saber mais sobre o que vai acontecer e caso ainda não tenham se inscrito, se inscrevam AGORA, porque só vai até hoje (Desculpem a demora, sério!). Agora chega de blábláblá e vamos mostrar as nossas tbr. Lembrando que nós duas iremos participar da categoria Hard core, com 9 desafios, torçam para o flop não ser muito grande! hahahahaha

Tbr da Adriele:

1- Ler um livro com capa azul: Em algum lugar nas estrelas

2- Ler um livro com menos de 200 páginas e 7- Ler um livro que se passe durante um período histórico importante: Sherlock Holmes – Volume 1

3- Ler um livro que você comprou pela capa: Suzy e as águas-vivas

4- Ler um livro escrito por uma mulher: Trono de vidro – Herdeira do fogo

5- Ler um livro sem saber a sinopse ou do que se trata: You know me well

6- Ler um livro nacional: Quinze Dias

8- Ler um livro com pontuação no título (vírgula): A bailarina, o mar e a lua

9- Ler um livro que é muito criticado ou que alguém não gostou: A garota no trem (Meu namorado odeia!)

Tbr da Larissa:

1- Ler um livro com capa azul e 4- Ler um livro escrito por uma mulher: Lyrebird.

2- Ler um livro com menos de 200 páginas: A carícia essencial.

3- Ler um livro que você comprou pela capa: A Pequena Livraria dos Corações Solitários.

5- Ler um livro sem saber a sinopse ou do que se trata: The Lady in the Tower

6- Ler um livro nacional: Era uma vez outra vez

7- Ler um livro que se passe durante um período histórico importante: Entre o amor e a vingança

8- Ler um livro com pontuação no título (dois pontos): Sandman: os caçadores de sonhos

9- Ler um livro que é muito criticado ou que alguém não gostou: A Garota no Trem (Indicação do namorado da Adriele)

Participações especiais: Nidle (Ouriço) e Slick (Raposa)

Ah! Hoje (15/07) é o esquenta da #MLI2017, das 16h até às 4h e a partir da meia-noite do dia 16/07 começa oficialmente a maratona! Então acompanhem o @apenasadrika no twitter e no instagram e o @larilb e @livingforharry_ no instagram para acompanharem as nossas leituras!

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!

                                                                                                                                                 

E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  We Heart it  | Pinterest

Torneio MLV – 1ª semana

Equipe Living for Harry

torneio-mlv

Oi gente! Vamos falar sobre coisa boa? A maratona literária que mais tá dando o que falar e que com certeza já marcou o 2017 de muita gente, o #TorneioMLV. Então vou passar um resumo de tudo que rolou nessa primeira semana de maratona.

Vamos começar pelo torneio em si, a primeira semana foi para os desafios da #EquipeCrucio que eu e a Lari fazemos parte. Foram 5 desafios com 2 Avadas da #EquipeImperio pra contra atacar.Os desafios foram todos feitos para a galera toda participar, mesmo os que tinham um número limitado de participantes, como foi o desafio Hangout. Esses desafios foram sendo liberados aos poucos pelos organizadores da nossa equipe. Fomos muito bem nos desafios, mesmo eu e a Lari não participando muito, o pessoal da equipe criou grupos em várias redes sociais para ajudar a organizar tudo para cumprirmos os desafios da melhor forma possível. E com isso cumprimos todos eles com muito empenho e o retorno foi bastante positivo com uma pontuação final muito boa! Orgulho de ser #EquipeCrucio.

equipe-crucio-semana

equipe-crucio

Agora sobre as leituras, afinal é uma maratona literária! A Larissa como sempre deu muito orgulho, ela leu Carry On e A Irmã da Tempestade, cumprindo dois desafios da tbr dela. Já eu… Pois é, o que dizer desse flop que foi a primeira semana? Comecei bem, terminando o livro A Elite que tinha começado antes da maratona e lendo um bom número de páginas do primeiro livro da tbr, porém não sei o que aconteceu, mas mesmo eu gostando do livro, não consegui ler tão rápido quanto queria, logo terminei essa primeira semana com um livro da tbr lido, o Delenda e o Vale dos segredos, mas também li a graphic novel Bidu: Juntos da MSP. Desculpem a falta de fotos, prometo que iremos melhorar essa semana.

Para saber mais sobre nossas leituras, sigam: Snapchat – apenasadrika/prolaclari e Instagram, além de continuar acompanhando o blog para o resumo semanal.

E para acompanhar a #EquipeCrucio e o #TorneioMLV

Beijos Mágicos e na Bunchecha

                                                                                                                                                      

Torneio MLV: TBR

Siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  We Heart it  | Pinterest