BEDA #18 – 5 motivos para ler Scott Pilgrim

Equipe Living for Harry

Oi gente!! O post de hoje, assim como o que fizemos da série Trono de Vidro, será um post com 5 motivos para ler Scott Pilgrim, uma graphic novel de 3 volumes. Nós duas lemos as três graphics em abril, quem acompanha o nosso insta já viu as fotos por lá, então super indicamos a leitura e falaremos agora os motivos para isso.

1- É engraçado: o nosso protagonista, Scott, além de lutar com 7 ex-namorados malvados que tem super poderes, ele passa por outros problemas, como não ter uma cama e por isso ter que dormir com seu amigo Wallace.

2- Leitura fácil: convenhamos que é uma história em quadrinho… Mas não é só por isso, ela possui uma linguagem mais fácil e quando algo mais “complexo” aparece, eles colocam as definições em algum canto, assim como algumas explicações do que está acontecendo e dos personagens que aparecem. Então, preguiçosos de plantão, vocês não tem desculpas!

3- História que te prende: não há como terminar a primeira graphic e não querer ler a segunda para saber quem será o próximo ex-namorado malvado ou como o Scott vai passar pelos outros problemas do seu cotidiano.

4- Tem filme: depois que terminar de ler, poderá assistir um filme muito bem feito que vale a pena ser assistido e comparado, de forma boa, com as graphic, a história é tão boa que conseguiu garantir um filme muito bom.

5- Aborda problemas reais: mesmo sendo uma história engraçada, alguns problemas são tratados durante a história, principalmente considerando o passado da Ramona e alguns problemas dos outros personagens, então mesmo sendo um história leve e retratando esses problemas de forma mais descontraída, essas graphics têm seus momentos de seriedade.

PAUSA PARA A NOVIDADE! Agora fazemos parte dos associados da Amazon! Yaaaaaay! Então no final de alguns posts deixaremos os links dos livros que indicarmos (só os que nós gostamos mesmo e que estão com um preço bacaninha) e se vocês clicarem e comprarem pelo nosso link, ganharemos uma parte do valor e isso ajuda muito o blog a crescer e melhorar!

Scott Pilgrim #1Scott Pilgrim #2Scott Pilgrim #3

Fotos: Daniel Limache

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

 

Se você leu… Vai gostar de…

Equipe Living for Harry

Oi gente! Nossa semana de novidades está terminando, mas ainda temos tempo para mais um post diferente e ele também é de indicação de livros, mas dessa vez indicaremos livros de acordo com um livro parecido, seja no gênero, na história, etc… Ah… A ordem dos fatores não altera o produto, ok?

Gostaram das indicações? Quer indicar algum livro que se pareça com um dos indicados ou com algum outro? Então, deixa lá nos comentários e nos indiquem livros!!

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

Músicas que vem na cabeça quando lemos…

Equipe Living for Harry

Oi gente! Esse BEDA está cheio de novidades e esse post é mais uma delas! Vamos indicar músicas que vem na nossa cabeça quando lemos alguns livros. Então preparem o fone de ouvido e suas palyslists.

  • Six of Crows: Bohemian Rapysody (versão do Panic! at the Disco)
  • Extraordinário: Who Says (Selena Gomez)
  • Outlander e Senhor dos anéis: Feathers (The Corrs)
  • 13 reasons why: Route 66 (tem inúmeras versões)
  • Fúria e Aurora: Come and get it (Selena Gomez)
  • Cidade de papel: Pompeii (Bastille)
  • Meus 15 anos: Recomeçar (Restart (não julguem))
  • Quinze Dias: Fica (Anavitória)
  • Eleanor & Park: Should I stay or Should I go? (Combat Rock)
  • Trono de Vidro: Bet my life (Imagine Dragons)
  • Maze Runner: Radioactive (Imagine Dragons)
  • Depois de você: 10% (Maiara e Maraisa)

Gostaram das músicas escolhidas? Também pensaram nessas músicas? Quais músicas vêm na cabeça de vocês, quando ouve, algum livro? Deixem tudo isso nos comentários! E se quiserem, faremos uma parte 2 desse post!

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

BEDA #15 – 12 signos, 12 livros

Equipe Living for Harry (participação especial Gabriela Fernandes)


Oi gente!! O post de hoje é muito especial, não só pela participação da Gabi, a anãzinha mais amada das nossas vidas, mas também pelo tema bem diferente do que fazemos!! Como viram pelo título, o tema tem a ver com horóscopo, mais precisamente, indicaremos um livro para cada signo. Então prepare seu mapa astral e deixe nos comentários qual seu signo e se gostou da indicação feita por nós!

Áries: Trono de Vidro
O clichê dos arianos é que estes são barraqueiros. Eu digo que isto depende. São pessoas esquentadas? Sim. Não necessariamente barraqueiras. Mas além desta característica, arianos são competitivos e leais. Relacionamos a este livro pois a história trata de uma competição fervorosa, pela qual Celaena passa sem deixar que nada em seu caminho a impeça de atingir seu objetivo.

Touro: Scott Pilgrim
O clichê de taurinos é real: gostam de comer e dormir. Scott é assim, preguiçoso, só quer saber de tocar com sua banda. Até que se apaixona e faz de tudo para afastar os ex-namorados da atual namorada, Ramona. Touro é um signo teimoso e determinado quando quer uma coisa, o que podemos ver nessa batalha do Scott X Ex-Namorados da Ramona.

Gêmeos: Um Beijo Inesquecível
Pensamos nesse livro porque conta a história de Hyacinth, uma menina muito amigável, que gosta de conversar e saber das fofocas e ama muito sua família. Além disso, é uma menina engraçada e não liga de falar umas verdades, o que não é normal para a época que se passa o livro. Geminianos são conhecidos por serem faladeiros, fofoqueiros e por mudarem de opinião/ideia com facilidade.

Câncer: Quinze Dias
Trata-se de um livro cheio de sentimentos, romance, insegurança… Boas características do signo de Câncer, além de serem também carentes e manipuladores, mas não é o caso. Um livro leve, como é a companhia de um canceriano.

Leão: O Garoto de Cachecol Vermelho
A história deste livro se inicia com a característica mais clichê do signo de Leão: vaidade. Melissa é uma menina vaidosa. E ao longo do livro ocorrem mudanças na vida dela, que refletem os outros lados deste signo. Ela conhece um garoto, Daniel, que mostra para ela lados da vida que ela não conhecia, sensibilizando-a. Isto a faz aprender a ser mais carinhosa, leal e amigável::: características leoninas!

Virgem: Algum Lugar Entre as Estrelas
Uma história que se passa durante a Segunda Guerra mundial e conta sobre dois amigos gênios, um pouco solitários porque suas famílias são afastadas e que adentram uma aventura juntos. Early, o mais gênio dos dois, também se mostra ser bastante perfeccionista, uma característica básica dos virginianos, que também são bastante individualistas e prezam pela inteligência. (Nota da Adriele: esse livro TINHA que estar aqui! Além de muito bom, ele combina com o post, porque tem estrelas, constelações e signos!)

Libra: Ligações
Além de ambos começarem com Li (badumtssssss), relacionamos este signo com este livro pois trata da história de uma menina passando por um momento de indecisão, característica clássica de Libra. Além disso, a história é muito fofa e leve, o que também remete ao signo de Libra, que são pessoas muito amorzinhas.

Escorpião: Corte de Névoa e Fúria
Relacionamos este livro aos escorpianos por vários motivos. Nossa querida Feyre representa bem esse signo, pois ela é uma garota intensa, sensual, batalhadora e vingativa. Nesta história (ALERTA DE SPOILER) passam-se várias cenas “quentes” entre ela e Rhys; e várias cenas de batalhas em que ela sentia muita raiva e queria estraçalhar as pessoas envolvidas por machucas quem era importante para ela. Por isso, acho que este livro consegue representar bem o signo de Escorpião.

Sagitário: Carry On
Aventureiros, amigáveis, engraçados, independentes… são os sagitarianos. Este livro conta a história de Simon, do qual a vida é uma grande aventura; passa por indecisões amorosas; dificuldades de controlar seus poderes e a graça que estes momentos trazem… Simon é guerreiro e não tira o sorriso do rosto mediante as dificuldades!

Capricórnio: A Lista de Brett
Antes de mais nada, vamos desmistificar a característica de coração de gelo: é mentira! Capricas sentem sim, e muito, apenas tem uma certa dificuldade de demonstrar. O livro escolhido mostra isso. Brett, uma mulher trabalhadora, focada, materialista e independente. (Spoiler alert!) Porém, um acontecimento muda sua vida: sua mãe, a pessoa da qual ela mais se importava, falece, e deixa para ela uma lista que Brett havia feito quando criança e se propõe a realizar as coisas desta lista. Acho que este livro pode representar uma capricorniana quebrando barreiras…. Quem sabe?

Aquário: A Evolução de Calpurnia Tate
Este livro conta a história de uma menina curiosa com relação aos gafanhotos e que passa por uma evolução em sua vida ao longo do livro. O escolhemos para representar os aquarianos que são céticos, porém curiosos, quando querem descobrir algo vão afundo no assunto e só acreditam no que pode ser comprovado ou que faz sentido. Além disso, aquarianos são conhecidos por serem engraçados e independentes, características também vistas no enredo do livro! (RESENHA)

Peixes: Isla e o Final Feliz
Escolhemos este livro porque traz um pouco de várias características piscianas. Josh, um menino sonhador que gosta de desenhar; Isla, uma menina alegre que valoriza muitos os poucos amigos que tem; um pouco de drama e acaba por ser uma história sensível, por tratar de tantos sentimentos.

Beijos Mágicos, Beijos na bunchecha… Beijos e queijos!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

BEDA #10 – Livro X Filme: O leão, a feiticeira e o guarda-roupa

Equipe Living for Harry


Oi gente! A comparação de hoje envolve um clássico! Vamos comparar livro e filme de As crônicas de Nárnia: O leão, a feiticeira e o guarda-roupa. Vamos comparar apenas esse e não todos os que já lançaram, assim o post não fica quilométrico, mas se quiserem que a gente compare os outros filmes da saga com seus respectivos livros, é só deixar nos comentários!

Personagens: os atores foram muito bem escolhidos para interpretar os personagens e o Aslam ficou muito bom! Toda parte técnica, envolvendo eles estava muito boa. Nossa única ressalva é a participação do Sr, Tumnus, porque no livro ele só aparece com muito destaque assim que a Lúcia chega em Nárnia e se encontra com ele, o que é bem diferente do filme, já que ele tem um papel muito importante, tendo até cenas dedicadas a ele, como o congelamento dele pela feiticeira.

Acontecimentos: aqui vamos listar alguns que chamaram muito a nossa atenção. Logo no começo do filme, há um destaque para o fato deles estarem inseridos na 2ª Guerra Mundial, algo que não é tão focado no livro, por se tratar de um livro infantil. Outra cena que também foi amenizada no livro, mas muito destacada no filme, é a batalha de Aslam com a feiticeira, mesmo não mostrando ele a matando de fato, ainda deixa isso bem claro.

Uma cena que pode ter deixado a galera que assistiu, confusa é a relação do Edmundo com a feiticeira, pois a cena do manjar turco não apareceu completa no filme. No livro, o garoto nunca está satisfeito, porque o manjar turco foi encantado pela feiticeira, então ele a procura para conseguir mais do doce e assim que se estabelece essa relação.

Outra cena inicial e bem marcante que está diferente no filme é a cena em que os irmãos Pevensie entram no guarda-roupa, no livro eles estão apenas se escondendo da governanta, por terem aprontado algo, já no filme, eles se escondem dela no guarda-roupa, porque entraram no quarto que eles não podiam entrar por causa de uma bola deles que entrou pela janela.

Extra: algo que quem apenas assistiu os filmes não sabe é que os filmes que já foram lançados não são todos os livros da série. E mais… O leão, a feiticeira e o guarda-roupa não é o primeiro livro, existe um livro antes dele e outros livros entre os que viraram filme, então a história está com alguns buracos e por isso podem acabar deixando alguns detalhes de lado, como a formação de Nárnia, o por quê do guarda-roupa ser uma das passagens para lá e qual a relação entre o professor Kirke (o senhor dono da casa onde eles estão) e Nárnia.

Essas são as nossas considerações, quais a de vocês? Deixem nos comentários! E calma, essas diferenças não deixaram o filme ruim, amamos muito esse filme e todos os outros da saga, mas como toda adaptação, ela não consegue encaixar tudo e faz alterações. Mas sabemos que às vezes isso é necessário.

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

BEDA #9 – Livro x Filme: Como eu era antes de você

Adriele E. da Silva (participação especial: Joel Torrealba)


Oi gente!! O post de hoje está bem especial, porque temos um convidado especial me ajudando!! O Joel (que já postou uma resenha aqui no blog) me ajudou a escolher as diferenças e semelhanças mais marcantes entre o livro e o filme Como eu era antes de você. Que diga-se de passagem, são os mais recentes aqui da lista!

Personagens: algo que concordamos é o fato de que escolheram muito bem a atriz para interpretar a Lou, a Emilia Clarke fez um ótimo trabalho e conseguiu mostrar a personalidade da personagem sem deixá-la esquisita, mesmo com as roupas super chamativas! Pra mim, o Will não ficou 100% como eu esperava, porém relevem, pois isso é coisa da minha cabeça, até porque o Sam Claflin também fez um excelente trabalho com o personagem. Um problema nesse quesito que chama bastante atenção de quem leu o livro é que a irmã do Will simplesmente não aparece.

Relacionamentos: alguns relacionamentos foram deixados de lado ou tratados de forma superficial ou bem diferentes do livro. Um exemplo é a relação da Lou com a família, eles têm vários problemas e eles praticamente são ignorados no filme, a protagonista se dá muito mal com a irmã, mas no filme elas são quase melhores amigas, isso também ocorre com a mãe da Lou, pois ela é muito mais próxima no filme do que no livro. Mas um relacionamento muito bem feito, além do casal protagonista, é o da Lou com o Patrick, pois eles são um casal bem problemático, mas ela tá sempre tentando fazer dar tudo certo.

Acontecimentos: isso é algo que me deixa bem incomodada, porque eu sei que não pode ficar julgando muito um filme, afinal é pouco tempo pra passar tudo que tem em um livro, mesmo esse livro não sendo longo. Porém muitas cenas importantes para a história foram cortadas do filme (ALERTA DE SPOILER), como o fato do pai do Will ter traído a esposa, pois isso influência bastante as atitudes do Will, ou o motivo da Lou ter tanto medo do labirinto, eu senti bastante falta, mas como eu disse, é compreensível. E duas cenas em especial chamaram a minha atenção em relação a como elas ficaram tão fiéis ao livro: a cena da praia que ficou muito fofa e a cena do aniversário da Lou, quando o Will dá as famosas meias listradas para ela. Eu gosto muito dessas cenas e elas ficaram muito bem feitas, mostrando bem a relação dos persongens e como cada um se desenvolve.

Extra: algo que eu não sabia, mas descobri nas minhas pesquisas (Obrigada, Toda Teen!) é que a autora esteve presente nas gravações e tentou deixar o filme o mais próximo possível do livro, desde o elenco até o que poderia ou não acontecer em determinados momentos.

Beijos Mágicos!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it 

BEDA #8 – Livro X Filme: A Hospedeira

Equipe Living for Harry


Oi gente! Estamos no 8º dia de BEDA e 2º dia da semana temática. E vamos comparar o livro A Hospedeira com o filme. O livro é único, mas bem comprido, então já sabemos que o filme não tem todos os detalhes presentes na história, mas ele consegue ser bem fiel ao livro, mesmo com as diferenças. Vamos dividir o post em tópicos, como fizemos no post de ontem.

Personagens: os atores são bem parecidos com os personagens do livro, com algumas pequenas diferenças aceitáveis. Afinal, muitas vezes os personagens são diferentes até entre as pessoas que leram o livro. A única personagem que nos deixa um pouco mais chocada (ALERTA DE SPOILER), é o "corpo" que a Peregrine vai quando sai do corpo da Melanie, achamos ela um pouco bizarra, meio falsa e bem diferente do que esperávamos. Hahahahaha

Aliens: os seres que invadem a Terra e usam os humanos como hospedeiros, parecem ser muito clichês, só por serem seres extraterrestres e tecnológicos não tinham que ter necessariamente uma aura tão branca. Tudo neles é branco, meio esterilizado. Isso é bacana, mas é uma representação muito comum, para o que a gente esperava.

Acontecimentos: vamos destacar dois acontecimentos que achamos que devíamos destacar. O primeiro é a cena da perseguição com os carros dos buscadores, porque essa cena não existe no livro e claramente foi criada e colocada na história para dar um toque de ação para dar uma animada no filme, assim como alguns momentos de descontração com humor. A outra cena é quando a Mel some da cabeça da Peregrina e ela, no livro, faz um escândalo e fica desesperada, procurando pela Melanie e mostra toda a relação criada entre elas, porém no filme a cena ficou um pouco forçada e acaba virando uma discussão entre a Peregrine, o Jared e o Ian.

Esses são os pontos que destacamos para essa história, se acharam mais pontos que não falamos ou algo que não concordam, podem falar nos comentários. E lembrando que tudo não passa de posts para vocês lerem, se divertirem e pensarem um pouco a respeito, mas sem chatices e críticas bobas.

Beijos Mágicos e Beijos na bunchecha!!


E siga o blog nas redes sociais: Twitter  |  Facebook  |  Instagram  |  Skoob  |  Pinterest  | We Heart it